Últimos artigos

Mude os rumos de sua empresa e seja um bom lider

 

Quando uma empresa deve mudar seus conceitos para uma estrutura atual e reformulada? Mudar pode desenvolver desafios significantes nas organizações devido a dificuldade que muitas pessoas tem em relação a transformações. O sucesso da organização, ou melhor, a sobrevivência no mercado, depende da habilidade de saber responder e gerenciar as alterações que o meio exerce, além de uma implícita gestão de liderança. É imprescindível que o líder seja o “linha de frente” da empresa, desenvolvendo estratégias sólidas de recrutamento e retenção,  abrindo caminho para sucessores eficientes.

As ultimas duas décadas tem evidenciado mudanças dramáticas na dinâmica global, impulsionado por fatores macro ambientais, incluindo a globalização dos negócios, avanços tecnológicos, as flutuações do mercado de petróleo, escândalos corporativos e aumento do risco associado a atividades terroristas e guerras. Além disso, um ambiente altamente competitivo tem dado um novo sentido a frase: “O sobrevivente será o mais apto”. Portanto é o momento para que as empresas tenham gestores que exercem uma liderança sólida, focados na criação de negócios internacionais, ou pelomenos uma visão expansiva da globalização, que levará a equipe em uma dinâmica estável e coerente.

Outro fato interessante é que formas de negociação tradicionais por muitas vezes tem se tornado ultrapassadas, levando a empresa a tomar medidas radicais na evolução do tratamento de clientes e parceiros de negócio. A empresa tem a obrigação de saber responder e lidar com o ambiente, se não estará fadada ao fracasso.

 

 

A influência da liderança

 

Mas por que esforços investidos em certas mudanças resultam em fracasso? Exemplos de negócios que se iniciaram a partir do zero podem ser um motivo relevante para análise. Evidências sugerem que a probabilidade de falhar é maior quando organizações acompanham certos modismos no mercado, ao invés de cultivar uma cultura de monitoramento e ter uma resposta proativa no cotidiano, que promova a participação dos interessados ​​a um alinhamento com a visão da organização. Nota-se que muitas dessas mudanças sem sucesso ocorrem devido a uma série de falhas. Estas incluem: incapacidade de gerar um senso analítico sobre problemas; fracasso em estabelecer um poderoso guia de coalizão em relação a adversidades; não ter uma visão clara e estratégica para direcionar uma mudança; falha em criar e reconhecer as realizações de curto prazo; comemorar o sucesso prematuramente causando as partes interessadas a perda do foco; falta de firmeza em incorporar a mudança de maneira correta na cultura corporativa. Para reduzir o risco de fracasso e não ser esmagado por um impacto negativo de mudança, a sua gestão deve ser guiada por modelos compromissados e resistentes, no qual se deve planificar uma estratégia que possa conduzir ao êxito de sua organização.

 

A influência de uma gestão de liderança plena

 

Mudanças organizacionais não causam efeito sem uma liderança consistente. Gerir a mudança requer um compromisso forte e inabalável do CEO(presidente), sendo necessário também uma equipe que irá apoiar e se esforçar em colaboração ao evento, levando a criar ganhos e obter comprometimento de todos os interessados. Tem sido argumentado que mudanças não podem ser gerenciadas, o que não é verdade. O que é necessário é um preparo em todos os aspectos, ser um líder e responder pelas consequências que toda transformação causa.

 

 

Vá contra a corrente

 

Portanto, uma gestão de sucesso requer exclusivamente um líder que pode responder na linha de frente da transformação do ambiente, desafiado por situações criativas que exigem novos sistemas e renovações de processos. Embora o papel de uma liderança eficaz no processo de mudança é claramente reconhecido, as medidas para conseguir tal estágio de liderança são incertas. Na verdade, as organizações enfrentam hoje desafios de liderança diversos, que devem ser resolvidos para atingir um resultado eficaz.

Como muitos países começam a confiar demasiadamente na imigração para preencher a lacuna de mão de obra, as complexidades decorrentes da incorporação de recrutas em organizações internacionais exigem uma maior atenção para atravessar o fosso cultural e facilitar as medidas adequadas para a integração. Além disso, os líderes de recursos humanos e CEOs devem procurar recrutar e reter os melhores líderes. O processo é complexo. Se você quer uma dica em relação a um desenvolvimento interessante na sua empresa, leia isto: treine seus funcionários para serem líderes.

Crescer amanha influencia diretamente no hoje. Práticas de desenvolvimento de liderança devem permanecer à frente da curva da “mudança” que as organizações buscam criar. Existe uma cultura de aprendizagem que as organizações devem serguir, são elas:

1 – Desenvolver e fomentar novos líderes de negócios.

2 – Instalar e fomentar as experiências e competências necessárias aos gerentes que trabalham em seu negócio,

3 – Coaching para executivos visando facilitar o desenvolvimento de fortes gestores das empresas.

4 – A empresa deve mudar a cultura da organização de uma ideologia de acumular conhecimento, para uma cultura de compartilhamento de conhecimentos e transformar a organização em uma organização de aprendizagem. O crescimento sustentável e criação de valor depende da capacidade da organização para a gestão do conhecimento.É de suma importância nesse processo o desafio da gestão do ambiente para desenvolver a inteligência politica e mental frente as situações que serão impostas.

5 – Reconhecer a diferença entre gestão e liderança. Gestão é sobre como lidar com a complexidade de planejamento e orçamento, enquanto a liderança é sobre a transformação focada em lidar com a mudança, a criação e direção de uma visão e introduzir novos conceitos.

6 – Cultivar equipes eficazes e reconhecer quando mudar o estilo de liderança para manter a dinâmica do grupo. Este ponto é ressaltado pelos resultados de um estudo recente de 153 projetos de mais de 28 países que mostraram a importância da liderança focada a transformação como um fator chave de sucesso em novos projetos.

7 – Motivar e capacitar seguidores.O líder deve se esforçar para motivar e capacitar os seguidores em aceitar a mudança, levando os mesmos a ter uma visão compartilhada e realizar objetivos desafiantes.

Os líderes desempenham um papel fundamental como agentes de mudança no processo de transformação. Os esforços bem sucedidos exigem ao líder articular uma visão convincente que agrada ambas as partes(internas e externas), além de comunicar um sentido de urgência a eficiência. Dar o exemplo, mostrar forte empenho pessoal, e permitir às partes interessadas a contribuir para o seu pleno potencial, são qualidades requerentes à um líder. A gestão de mudança bem sucedida, portanto, requer a empresa a superar diversos desafios de liderança e desenvolver uma estratégia centrada e proativa para enfrentar situações.

 

Da ásia central para o mundo. Consultor direcionado em empreendimentos sociais, planejamento de negócios, levantamento de fundos e treinamento motivacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>